sábado, novembro 07, 2009

O maior tesouro é Deus

Para chegares a saborear tudo,
não queiras ter gosto em coisa alguma.

Para chegares a possuir tudo,
não queiras possuir coisa alguma.

Para chegares a ser tudo,
não queiras ser coisa alguma.

Para chegares a saber tudo,
não queiras saber coisa alguma.

Para chegares ao que não gostas,
hás de ir por onde não gostas.

Para chegares ao que não sabes,
hás de ir por onde não sabes.

Para vires ao que não possuis,
hás de ir por onde não possuis.

Para chegares ao que não és,
hás de ir por onde não és.


Modo de não impedir o tudo:
Quando reparas em alguma coisa,
deixas de arrojar-te ao tudo.

Porque para vir de todo ao tudo,
hás de negar-te de todo em tudo.

E quando vieres a tudo ter,
hás de tê-lo sem nada querer.

Porque se queres ter alguma coisa em tudo,
não tens puramente em Deus teu tesouro.


João da Cruz
(Frade Carmelita espanhol do século XVI)

3 comentários:

Vilma disse...

Muito bonito! Não conhecia!
Boa partilha. :)

Geovani Figueiredo dos Santos disse...

Amado irmão, graça e paz! Fortuitamente acessei o teu blog. Aliás,fortuitamente não, por providencia.Achei-o maravilhoso.Adicionei-o ao meu Blogroll.

Li esta poesia e percebi que a vida cristã e um vida de despojamentos. Precisamos ter como não tendo, ser como não sendo, ganhando tudo mais eis que perdendo, sendo pobres e enriquecendo a muitos como disse Paulo.

Devemos sempre estar preparados para levantar nossa tenda, assim que o supremo pastor nos chamar às suas pastagens verdejantes.

Nosso lar não é aqui, aguardamos a pátria que virá. O lar de eterna bem-aventurança.

Se me permitir irmão, peço-te a permissão para publicar em meu site algumas de suas postagens. Aguardo sua resposta. Visite o meu Blog:http://cristianismoemdia.blogspot.com/

Poste um comentário. Será uma honra! De seu irmão em Cristo do Brasil.

Presbítero Geovani F. dos Santos

Jorge Oliveira disse...

Bom dia irmão Geovani,
Agradeço as suas elogiosas palavras e é óbvio que autorizo a citação dos textos expostos aqui, pedindo somente que cite a fonte.

Dado que ficou tão maravilhado com o meu JARDIM, aconselho-o a visitar o meu outro CANTO:

http://cantodojo.blogspot.com


Um abraço

Jorge Oliveira